Sumário

As plantas repelentes, além de manter os mosquitos irritantes longe, ainda garante uma casa e um jardim bastante perfumados. Elas são a solução natural para  ter no seu jardim que vão ajudar a repelir insetos e pragas, pois possuem substâncias que não agradam a esses insetos e os mantém afastados. Essa é a dica de hoje, aqui no Horta, Jardim & Cia.

Plantas Repelentes

Cultivar plantas repelentes pode ser a solução de vários problemas. Assim, escolhendo as plantas adequadas e tomando os devidos cuidados você terá belos exemplares de plantas no seu jardim. Se você se interessou em ter no seu jardim plantas que repelem insetos continue a leitura e veja 6 opções  para ter no seu jardim.

1) Citronela (Cymbopogon winterianus) é uma das plantas repelentes

É uma das espécies mais utilizadas como planta repelente. Conhecida pelo seu cheiro bem característico, a citronela utiliza-se como repelente de mosquitos pois contém grandes quantidades de óleo essencial Citronelal.

É uma planta que  forma uma touceira densa, suas folhas são longas, com bordas cortantes e de coloração verde clara.  Se dá melhor em vasos grandes mas em climas mais quentes elas cultivadas diretamente no solo.  Uma dica é deixá-la em vasos pequenos para que não  forme arbustos muito volumosos, assim é possível deixar  a sua casa ainda mais protegida e com delicioso perfume da planta.

Além disso, é muito eficaz contra pernilongos e borrachudos, e fica ainda mais potente quando colocadas com outras plantas, como por exemplo a erva de gato, também conhecida como catnip e o gerânio.

Uma forma de aproveitar todas as suas propriedades repelentes é  um chá bem concentrado da erva e passar no chão da casa ou também deixar as suas folhas em álcool por alguns dias e depois pulverizar no  ambiente.

Leia mais: Adubo com casca de batata: saiba para que ele serve e os erros que você deve evitar ao utilizar

2) Alecrim (Salvia rosmarinus)

O alecrim também é uma planta repelente. Seu aroma amadeirado é responsável por repelir os mosquitos, moscas  e até traças.

É uma planta que se desenvolve melhor em climas mais quentes e secos.  Além disso, o alecrim gosta  de sol, e por isso coloca-se no ponto mais iluminado da casa.  Em relação a sua  rega, a sua frequência é de uma a duas vezes por semana dependendo da temperatura da região.

 3) Lavanda (Lavandula sp.)

Além de muito perfumada, a lavanda é uma planta muito resistente à seca, precisa apenas de sol pleno e um solo bem drenado.

No Jardim, planta-se  a lavanda em canteiros, direto no solo. Ela irá formar um arbusto bastante volumoso que desprende o odor ligeiramente adocicado. Também planta-se em vasos e espalhados toda a casa, pois o seu aroma afasta os mosquitos dos cômodos.

Plantas Repelentes.

Citronela, Lavanda e Alecrim. Foto: Canva PRO

[maxbutton id="1"]

4) Crisântemo (Chrysanthemum x morifolium)

O crisântemo é uma planta inseticida bastante poderoso,  pois é rico em  piretrina,  uma substância que utiliza-se também como repelente no corpo.  Para isso, esfregue flores diretamente na pele e você estará protegido.  Além dos mosquitos a planta também espanta baratas, moscas e besouros

5) Arruda (Ruta graveolens) faz parte das plantas repelentes

A arruda é uma das plantas repelentes de  energias ruins e também mosquitos, moscas e outros insetos.

É uma planta bastante perfumada, versátil. Ela adora luminosidade e se adapta também a ambientes com luz indireta. Quanto à rega ela  é moderada, ocorrendo na frequência  a cada três ou quatro dias, ou sempre que o solo estiver seco.

6) Boldo (Peumus boldus)

O boldo é outra planta repelente muito conhecida. Além de ser muito utilizada para problemas digestivos, ela ajuda a manter os insetos afastados principalmente os que são transmissores de doenças como o aedes aegypti,  devido ao seu aroma.

É uma planta que precisa de um espaço que receba luz e calor,  precisa de água de forma regular com regas a cada dois ou três dias, ou sempre que o solo estiver seco.

Então, se você gostou de conhecer essas plantas repelentes acima, veja outros que também podem ser usados no seu jardim.

Plantas que afastam insetos.

Crisântemo, Arruda e Boldo. Foto: Canva PRO

Outras plantas repelentes que você pode utilizar no seu jardim

Existem várias outras plantas repelentes e que você pode utilizar no jardim da sua casa. Então, confira:

Losna: é uma planta com folhagem bonita e utilizada na produção de absinto.  Possui um odor bem característico, que ajuda a repelir moscas, mosquitos, lesmas e até mesmo traças. Ideal para quem tem casas de veraneio.

Menta: libera no ar óleos que ajudam a repelir insetos, formigas e até mesmo ratos.  É uma planta indicada para ser plantada diretamente no solo pois a sua raiz é muito competitiva. Por isso, plante em um canteiro exclusivo para ela ou em vasos.

Tomilho limão: é um  poderoso repelente natural.  Seu cheiro de limão  afasta os mosquitos.

Piper aduncun: é uma planta nativa da Amazônia, é uma das apostas pelas suas propriedades repelentes naturais contra o aedes aegypti.  Ela possui altos teores de dilapiol,  uma substância com alto poder inseticida.

Enfim, agora que você já conheceu algumas das plantas repelentes mais famosas e já sabe como se proteger, compartilhe este conteúdo em suas redes sociais!

Leia também: Como fazer a orquídea dar flor? Aprenda os truques  

Os adubos são fundamentais para manter o solo enriquecido de nutrientes para as nossas plantinhas. Os orgânicos são ainda mais importantes, pois possuem altas concentrações de ingredientes que permitem o crescimento saudável. E hoje vamos te ensinar a fazer os melhores e mais fáceis adubos caseiros!