Sumário

Saber se a capuchinha gosta de sol ou sombra é fundamental, afinal, essa planta é ornamental e pode ser usada com fins medicinais. Pensando nisso, o Horta Jardim & Cia apresenta dicas de como cuidar dessa planta para que ela se desenvolva de forma saudável e bonita.

Descubra se a capuchinha gosta de sol ou sombra

A capuchinha, também conhecida como Agrião-do-méxico, Chagas e Coleária-dos-jardins, por exemplo, possui o nome científico Tropaeolum majus. Além de ser uma planta que pode ser usada para decorar jardins e tem uso medicinal, tem sido muito utilizada na culinária no preparo de algumas receitas.

Mas, para ter essa planta ao seu alcance, saber se a capuchinha gosta de sol ou sombra é indispensável. Essa planta quando floresce pode ser encontrada em uma variedade de cores, sendo na coloração amarela, laranja ou vermelha.

Então, para ter essa planta em casa e desfrutar de seus benefícios, é preciso saber como realizar o plantio, preparar o solo e principalmente, se é uma planta do sol ou da sombra. Continue lendo e saiba com mais detalhes sobre esses e outros tópicos.

Descubra se a capuchinha gosta de sol ou sombra

Descubra se a capuchinha gosta de sol ou sombra – Imagem: Canva Pro

Plantio

A capuchinha é um tipo de planta que deve ser plantada de preferência no chão, isso porque cresce com muita rapidez e porque é uma planta trepadeira. Mas, caso não queira plantar diretamente no chão, é possível cultivá-la em vasos, para isso é necessário podá-la com certa frequência.

Caso opte por plantar e um vaso, siga as seguintes orientações para que a planta se desenvolva e floresça na época certa. Essa planta pode ser cultivada por meio de sementes ou de mudas, mas partindo do princípio de que você usará uma muda, é preciso escolher um vaso que tenha capacidade para pelo menos 3 litros.

Dessa forma, um vaso que tenha cerca de 3 litros, tem em torno de 30 cm de diâmetro e 40 cm de profundidade. Após plantar a muda ou as sementes, regue com moderação apenas o suficiente para a terra ficar úmida.

Solo

Antes de saber se a capuchinha gosta de sol ou sombra, é preciso aprender a preparar o solo para poder plantar essa rosa e decorar o seu jardim ou sua varanda. Para o solo, você pode estar usando uma terra vegetal, isto é, um tipo de terra que possui compostagem de alimentos e plantas.

Assim como qualquer tipo de planta, é preciso ficar atento à adubagem. Sendo assim, para adubar a capuchinha que esteja plantada em um vaso de 3 litros, será preciso usar meio copo americano de húmus de minhoca para misturar com a terra vegetal.

Lembrando que esse adubo precisa ser trocado, ou seja, ser reposto a planta a cada 20 ou 30 dias. Isso porque, a capuchinha cresce muito rápido e precisa logo de mais nutrientes para crescer e florescer.

Clima e luminosidade

Uma das dúvidas que as pessoas têm ao começar a cuidar dessa planta é: a capuchinha gosta de sol ou sombra? Para entender porque essa planta prefere o sol pleno, é preciso saber a sua origem. Tendo origem da América do Sul, é uma planta que prefere os climas Continental, Equatorial, Mediterrâneo, Oceânico, Subtropical, Temperado e Tropical, logo é possível cultivá-la no Brasil.

[maxbutton id="1"]

A origem da capuchinha remete a altas altitudes dos Andes, que vai da região da Bolívia até a Colômbia. Logo, é uma planta que suporta temperaturas mais frias, desde que fique entre os 18 a 30°C. Quando plantada em um vaso, a capuchinha precisa de pelo menos 3 horas de sol diário.

Vale ressaltar, que o sol das 9 horas da manhã até as 15 horas é prejudicial e pode queimar as folhas das plantas. Por isso, dê preferência por expor a planta no início da manhã. Em relação à rega, é uma planta que precisa ser regada pelo menos uma vez ao dia durante o verão, e a cada 3 dias durante o inverno.

Para que serve essa planta?

Como foi citado no início deste texto, a capuchinha além de ser uma planta ornamental também pode ser usada para fins medicinais e culinários. Dessa maneira, não é uma planta tóxica, logo suas flores podem ser ingeridas sem medo.

Quando se trata de pratos, por causa do seu sabor é picante pode ser usada em saladas frias, sucos e finalização de pratos. Lembrando que, apenas as flores que podem ser consumidas e sua floração acontece na primavera e verão.

Existem pesquisas científicas que já comprovaram que essa planta possui substâncias que ajudam no tratamento de diferentes doenças, como o trato respiratório. De modo geral, a capuchinha tem ação bactericida, antioxidante e anti-inflamatório.

A maneira mais comum de usar essa planta como medicinal é na forma de chás, onde se usa a água quente para abafar a flores por alguns minutos. Durante esse tempo solta suas propriedades medicinais.

Categorizado em:

Curiosidades e novidades,