Sumário

Saiba como cultivar bambu-da-sorte, hoje no  Horta, Jardim & Cia. Conhecido por sua aparência diferente, o bambu da sorte, ou dracena sanderiana, em latim, é uma planta muito fácil de cuidar e existe um certo simbolismo em volta dessa espécie. Ideal para o cultivo em casa, o bambu da sorte não é um bambu, apesar desse nome peculiar.

A planta que pertence ao gênero Ruscaceae, ou seja, a mesma da Pata de Elefante, é mais uma espécie de Dracena. Portanto, os cuidados com essa planta devem ligar às condições que essa espécie demanda.

Bambu-da-sorte

Nativa do continente africano, o bambu da sorte teve sua popularidade aumentada devido ao seu cultivo no oriente, onde foi incorporada ao Feng Shuí. Nos países orientais, a planta possui um alto valor espiritual que faz com que essa planta seja ligada à atração de sorte e prosperidade.

Para cada haste do bambu da sorte, segundo a crença, é atribuído um valor espiritual e, por causa disso, essa planta atrai sorte no amor, na riqueza, na longevidade, na felicidade, na criatividade e entusiasmo.

Por isso, os sete caules são sinais de que uma pessoa tem uma vida plena e completamente saudável, em todos os sentidos. Portanto, com todo esse simbolismo, veja abaixo como cultivar bambu da sorte da forma correta com todas as dicas que separamos para facilitar sua vida.

Leia mais: Adubo líquido para plantas: aprenda a fazer em casa

Clima e temperatura ideal para cultivar bambu da sorte

O clima e a temperatura ideal para cultivar bambu da sorte é encontrada em países tropicais. Portanto, se você quer acertar no cultivo dessa planta. Saiba que essa espécie demanda uma série de cuidados.

Nesse sentido, se você mora no Brasil, saiba que está no lugar certo para cultivar o bambu da sorte. Visto que essa planta nativa da África já está bem adaptada ao clima do nosso país.

No entanto, apesar de ser amante de temperaturas mais altas, o bambu da sorte também pode ser cultivado em ambientes internos. Todavia é preciso oferecer uma boa luminosidade para o cultivo dessa planta.

Portanto, se você deseja cultivar bambu da sorte em ambientes internos, mantenha essa planta perto de uma janela. Visto que a iluminação indireta é essencial para o desenvolvimento desse gênero.

Preparo do solo

Conheça o Bambu-da-sorte - Reprodução Canva

Conheça o Bambu-da-sorte – Reprodução Canva

Uma peculiaridade do bambu da sorte é que essa planta pode ser cultivada em água. Portanto, o uso de vasos de vidro é importante para você poder acompanhar o crescimento das raízes dessa espécie.

[maxbutton id="1"]

Nesse tipo de cultivo hidropônico, saiba que é preciso trocar a água do seu bambu da sorte a cada três dias e o recipiente deve ser bem lavado todas às vezes que isso acontecer.

O cultivo do bambu da sorte na terra demanda um solo bem leve. Visto que suas raízes sensíveis precisam de espaço para crescer e, por causa disso, o húmus de minhoca é uma ótima escolha para acertar no solo para seu bambu da sorte.

Germinação do bambu-da-sorte

Para cultivar bambu da sorte, entenda que essa planta demanda o uso de estacas de quatro centímetros até oito centímetros. Portanto, para você obter êxito em cultivar o bambu da sorte com saúde em sua casa, saiba que o método ideal de cultivo dessa planta é feito dessa forma.

No entanto, caso você queira modelar o formato que seu bambu da sorte terá. Saiba que é preciso usar uma certa técnica para trançar essa planta da forma correta.

Para você obter as estacas, quebre o talo e deixe-o na água até que as raízes comecem a aparecer. Então, você pode escolher se mantém os cuidados na água ou se transfere para um vaso com terra.

Como regar a planta

O cultivo do bambu da sorte pode ser feito dentro de um recipiente com água, portanto, essa planta está bem adaptada à umidade intensa. Nesse sentido, saiba que é importante manter o solo bastante úmido para que o bambu da sorte cresça saudável quando cultivado diretamente em vasos com terra.

No entanto, apesar de conseguir sobreviver em cultivo hidropônico, o solo com terra não pode se manter encharcado. Visto que isso atrai fungos que podem apodrecer as raízes delicadas dessa planta.

Portanto, sempre analise a capacidade de drenagem do vaso quando cultivar bambu da sorte na terra, visto que o escoamento da água deve acontecer de forma rápida para que o acúmulo de umidade não seja prejudicial para o crescimento da planta.

O cultivo do bambu da sorte na água demanda o uso de algumas pedrinhas no interior do recipiente para que as raízes possam encontrar suporte para que essa planta se mantenha forte para ter um crescimento aéreo saudável.

Como podar bambu-da-sorte

Se você está cultivando bambu da sorte e está notando que a planta está começando a apresentar ramos muito irregulares. Ou seja, com tamanhos diferentes entre si e formatos muito estranhos. Saiba que essa planta precisa de uma poda de formação. Para isso, corte os galhos maiores para eles ficarem iguais os outros menores. Caso note que as plantas estão ficando amareladas, a poda não é a solução.

Portanto, mude o seu bambu da sorte para um local que receba uma iluminação maior e o problema estará resolvido.

Bambu-da-sorte - Reprodução Canva

Bambu-da-sorte – Reprodução Canva

Adubação para a planta

Quanto á adubação, o bambu da sorte não é muito exigente, já que essa planta cresce até mesmo na água e, por causa disso, não demanda o uso de fertilizante constantemente para se manter saudável.

Principais pragas e como evitar em seu bambu-da-sorte

Devido ao seu cultivo na água ou em solos muito úmidos. O bambu da sorte acaba atraindo fungos e esse é um problema que pode levar à morte da planta rapidamente.
Portanto, se você notar que o seu bambu da sorte está começando a enfraquecer e apresentar sinais de que está sendo atacado por fungos. Faça o transplante para outro vaso com uma terra nova.
Para o cultivo em água. Saiba que é importante fazer a troca periódica da água do recipiente e a higienização para evitar o aparecimento de bolor na superfície do vaso em que está sendo cultivado seu bambu da sorte.

Leia mais: 10 plantas para banheiro: transforme seu banheiro em um oásis